Pular para o conteúdo principal

Acidente de Trânsito

Acidentes de trânsito causam milhares de mortes todos os anos nas estradas do país. Por fatores diversos, que passam pelas condições das estradas, condições de tempo, problemas técnicos e falha humana, o país tem o maior número de vítimas de acidentes de trânsito do mundo.
Quem trabalha com o transporte e entrega de cargas convive diariamente com esse cenário e todo cuidado é pouco. Muitos acidentes independem do planejamento logístico e da precaução da transportadora, bem como da conduta de seus funcionários. Os riscos são incontestáveis, mas é extremamente possível e viável minimizar os prejuízos de sua empresa com ações provenientes de acidentes de trânsito. Por isso poder contar com uma assessoria jurídica especializada pode fazer toda a diferença.
É justamente esse serviço que a Vellasco Advocacia e Consultoria Jurídica oferece. Com vasta experiência em ações judiciais de acidentes de trânsito e amplo conhecimento jurisprudencial, a Vellasco oferece suporte jurídico completo com foco em Direito de Trânsito e Responsabilidade Civil.
Nosso escritório trabalha na intermediação junto às seguradoras para liquidação das demandas judiciais, visando diminuir os valores pagos pelo cliente. Contando com uma assessoria jurídica especializada, sua empresa terá mais segurança para lidar com ações desse tipo, além do custo-benefício, já que o retorno com certeza será maior que o investimento na contratação de nossos serviços.
Nosso trabalho consiste em:
– Análise de pleitos e Elaboração de defesas;
– Realização de audiências;
– Elaboração de pareceres e avaliações dos riscos e de possibilidades de êxito nas demandas judiciais;
– Acompanhamento de processo cível (contencioso) e processo criminal de lesão corporal; – Intermediação entre seguradora e segurado para negociação e realização de acordos, especialmente em casos em que o cliente é responsável pelo acidente;
– Consultoria e implantação de ações para solucionar conflitos de interesse e minimizar valores.
Se sua empresa já possui um departamento jurídico próprio, oferecemos um programa de controle dos procedimentos administrativos e judiciais. Analisamos cada caso que nos é apresentado, fazemos um diagnóstico e definimos, junto à sua empresa, a melhor estratégia para a solução do caso.
Contato:
WhatsApp – 55 (19) 99693-3469
E-mail –  contato@vellasco.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Distância mínima necessária para parar um veículo com base no tempo de reação e na velocidade do veículo.

OAB Campinas empossa novo Presidente e Vice-presidente da Comissão de Direito Securitário.

Ricardo Paracêncio e Graziela Vellasco foram convidados para assumir os cargos de Presidente e Vice-presidente, respectivamente, da Comissão do Direito Securitário. Para Ricardo, a experiência será de muita responsabilidade. "Sinto-me muito horando pelo convite feito pela Diretoria da OAB Campinas para à Presidência da Comissão de Direito Securitário. Sei do tamanho do desafio e da responsabilidade, já que faremos parte de uma das maiores e mais antigas subseções do país. A proposta de trabalho no próximo triênio é promover o debate e principalmente o estudo sobre questões securitárias atuais e relevantes, disseminando o seguro não só aos estudiosos do direito. Agradeço ao Presidente Dr. Daniel Blikstein e ao Secretário Geral Dr. Paulo Braga pela oportunidade e confiança."  Para a advogada Graziela, a oportunidade é um excelente desafio profisional. "A minha nomeação para a vice-presidência da Comissão de Direito Securitário foi uma honra imensurável, agradeço ao presid…

Irmão deve pagar aluguel a outro por uso de imóvel herdado dos pais

Réu e família residem no local.

A 10ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve decisão que condenou homem e sua família a pagarem aluguel ao irmão deste por utilizar, exclusivamente, bem imóvel herdado após a morte dos pais deles. Os réus deverão arcar com aluguel estimado em R$ 5,5 mil, na proporção de 1/5 (R$ 1,1 mil), com termo inicial de vigência fixado na data de citação das partes.
Consta nos autos que o autor ajuizou ação de arbitramento de aluguel cumulado com cobrança contra o irmão, a esposa e o cunhado, que residem numa propriedade partilhada pela família e herdada após a morte dos genitores dos irmãos. Ele afirma que os réus vêm criando empecilhos para a venda do bem, que está com o IPTU atrasado, e pede alienação do imóvel e pagamento de aluguel pelo uso exclusivo do bem. Os réus, por sua vez, afirmam que residem no local desde antes do falecimento dos genitores e que nunca impediram o usufruto por parte do autor da ação. Alegam, ainda, que to…